30/03/2015

dual roles


Deluxe Edition

Concebido originalmente como um CD duplo, Rebel Heart explora as distintas facetas da Madonna: a provocadora e a romântica. Em termos de letras, o disco não foge dos temas que são a base do repertório dela — amor, sexo, fé e família. Aliás, a principal característica dessa obra é o forte teor saudosista e reflexivo das composições. Basta prestar atenção nos versos de "Veni Vedi Vici" para identificar o traço mais evidente do álbum. Ouvidos atentos também devem notar que as canções foram pensadas para funcionar na próxima turnê, não necessariamente tocar nas rádios e/ou emplacar nas paradas. O que está longe de tirar seu valor e não as torna menos impactantes que os sucessos do passado. As exceções são "Illuminati", "Bitch I'm Madonna", "Iconic" e "Body Shop". Já "Living For Love", "Devil Pray", "Ghosttown" e "Rebel Heart" têm aquele quê de clássicos instantâneos. Estava pronto para detestar, mas gostei muito!

Nenhum comentário: